Como voltar a rotina de treino e dieta depois das férias

Lou Caselli

26 de novembro de 2016

Lugares, Outros

No Comment

 

Oi gente, tudo bom?

 

Tirar férias é demais né? O difícil é voltar. Principalmente pra gente que tem uma rotina, treina e faz dieta, esse período off as vezes dá uma atrapalhada né?

 

Faz mais ou menos 2 meses que eu voltei das minhas férias e realmente, retomar o ritmo de tudo não é fácil.

 

Foram 20 dias de férias muito esperados, pois já fazia quase 2 anos que eu não tirava férias e estava realmente no meu limite, precisando de um descanso.

 

Nesse tempo, fui pra Natal curtir um lugar novo, pro Rio ficar com a minha mamãe e fiquei um tempo em São Paulo curtindo a minha casinha e colocando as coisas no lugar.

 

Quebrei minha dieta (e não foi pouco), fiquei sem treinar uma semana e pra voltar ao pegar o pique de novo não foi fácil.

 

Então hoje eu queria contar um pouquinho sobre tudo isso e dar umas dicas sobre como lidar com a dieta, o treino, a volta a rotina e outras coisinhas que me ajudaram.

 

 

Finalmente Férias


A gente planejou a viagem para Natal – RN com meses de antecedência, em fevereiro já estávamos com passagem e hotel reservados.

 

Isso foi muito bom porque deu tempo pra gente pagar tudo com calma para não sentir no final. Achei isso muito bom e estou fazendo a mesma coisa para a minha próxima viagem.

 

Fomos eu, meu namorado, meu cunhado e minha cunhada e reservamos 2 quartos no Serhs Grand Resort.

 

DCIM100GOPROGOPR0127.

 

Com certeza haviam hotéis mais baratos na cidade, mas a gente queria um lugar com uma puta estrutura para não ter que se preocupar com nada, então escolhemos por pagar um pouco mais caro.

 

E valeu muito a pena! O hotel era incrível! Tinha tudo o que você poderia imaginar e mais um pouco. Uma piscina gigante, na frente da praia, 5 restaurantes, sauna, piscina aquecida, quadras de esportes, academia, tudo, tudo, tudo.

 

Existem 2 tipos de viagem que você pode fazer: Escolher um hotel simples para gastar e curtir mais a cidade que você está ou escolher um hotel gigante e aproveitar sua estrutura para relaxar.

 

Não que não dê para ter os dois, mas o custo fica bem mais alto…

 

Aliás, uma dica para você, que como eu toma MUITA água: compre água no mercado ao invés de tomar a do hotel.

 

Sério, independente de qual hotel você ficar, seu bolso vai agradecer. No Serhs, por exemplo, cada água de 300mL custa R$ 4,50 enquanto no mercado é R$ 2,00 a de 500mL.

 

Bom, o resumo da semana foi simplesmente piscina e praia. E mesmo passando a maior parte do tempo no hotel, aproveitamos muito a cidade também.

 

Escolhemos fazer o passeio de buggy pelas dunas de Genipabu, que é meio que obrigatório para quem vai para lá.

 

Foi muito legal, paramos em vários pontos, fizemos skibunda, tiramos várias fotinhas e aproveitamos muito. Comemos em um restaurante na beira do mar chamado Naf Naf onde tinham umas redes e sofás para descansar, foi muito bom.

img_0093

E tem um negócio engraçado de Natal, me perdoem os natalenses, mas aquilo ali é uma máfia! haahahha

 

Peraí, não é nada ruim, vou explicar: Natal é uma cidade pequena que sobrevive principalmente do turismo e acaba que todo mundo quer aproveitar o povo que vai visitar. Então, todo mundo tem esquema com todo mundo…

 

O bugueiro que leva a gente no restaurante X, recebe uma comissão deles, se a gente vai na sorveteria Y por indicação do fulano, ele também leva uma graninha e assim vai…

 

No passeio para pipa que fizemos uns dias depois foi a mesma coisa, eles perguntam pra você quem te indicou e anotam para depois pagar.

 

Fomos para pipa de van, pois fica a uns 40 minutos de Natal, mas vale a viagem. O lugar é lindo, tipo uma vila, muito charmosa, cheia de lojinhas, artesanatos e tudo mais.

 

Uma coisa legal de pipa é a maré, que sobe tipo demais! Você chega lá de manhã e tem uns 300m de praia, ai umas 14h já não tem mais nenhum pedacinho de areia e o mar está batendo nos restaurantes que ficam a uns 2 metros de altura.

 

Olha as fotos de quando chegamos as 10h e quando saímos às 13h.

 

DCIM100GOPROG0290323. captura-de-tela-2016-11-24-as-21-25-35

 

A noite, nós comíamos no hotel ou íamos para Ponta Negra jantar. Conhecemos um restaurante chamado Camarões que várias pessoas nos recomendaram.

 

E valeu muito a pena, porque era muito bom mesmo e os pratos eram muito bem servidos. Comi o Camarão ao Fondue, que vinha arroz com brócolis, purê de batata e camarões com um molho de queijo. Simplesmente incrível!

 

Depois ainda teve um petit gateau de doce de leite com sorvete… Como já falei, eu quebrei a dieta, e não foi pouco.

petit-gateau-doce-de-leite-restaurante-camaroes

Durante os 7 dias que fiquei em Natal eu poderia ter treinado, poderia ter seguido a dieta certinho, mas ESCOLHI não me preocupar tanto por la.

 

Não estou usando as ferias como desculpas, como falei, se eu quisesse, eu poderia me manter focada todos os dias.

 

Mas eu simplesmente não queria me preocupar, queria experimentar as coisas de lá e fazer o que desse vontade…

 

Eu estava com outras 3 pessoas, se elas quisessem pedir uma porção de camarão frito e eu também estivesse com vontade, eu iria comer também!

 

“Ah, mas e se você engordar?” Ai eu vou engordar (e engordei) e depois a gente recupera… Sem neura, se você mantém uma vida saudável, não tem problema sair da rotina de vez em quando.

 

O grande problema é quando as coisas ruins se tornam a sua rotina e não era o caso.

 

Eu até queria ter ido na academia do hotel, porque eu amo treinar, mas não deu tempo.

 

E sabe de uma coisa? Comer besteira de vez em quando é bom, mas não tem nada como se sentir bem consigo mesmo.

 

A alimentação saudável te traz benefícios muito além da estética como já falei nesse post aqui.

 

E nos últimos dias eu já comecei a me sentir mais ansiosa, ter umas mini paranóias, simplesmente não me sentia tão bem.

 

Mas vamos lá, eu também não jaquei em todas as minhas refeições e isso é muito importante.

 

Não pela quantidade de calorias ou qualquer coisa do tipo, mas simplesmente para não deixar a sua compulsão te controlar.

 

Porque aí sua cabeça começa com aquelas desculpas de que você está de férias e tá liberado tudo.

 

Quando você vai ver, você está comendo só por este impulso, pela ansiedade de que se você não comer aquilo naquela hora, nunca mais vai poder e não porque está realmente com vontade de comer aquilo.

 

Falei um pouco mais sobre essa auto sabotagem nesse post aqui.

 

Mas então, por exemplo, no café da manhã, que tinha um buffet lotado de opções boas, com várias frutas, estação de omelete e tapioca, pães integrais e tudo mais.

 

Eu sempre ia de omelete com cottage e uma fruta e era ótimo. Em vários dias eu almocei salada, porque eu gosto mesmo e tinha uma opção incrível com camarão lá no hotel.

 

Então, eu não deixei de fazer boas escolhas, eu simplesmente não me restringi tanto.

 

 

Voltando aos poucos


Voltei para São Paulo no sábado no final da tarde e no domingo já estava na academia para compensar todas as gordices de Natal.

 

Fiz só um aeróbico em HIIT pra dar um gás no metabolismo no domingo e na segunda fiz meu treino normal de perna.

 

Vou te falar que não foi fácil viu… Foi só uma semana parada, mas nossa, que diferença que faz!

 

Eu até estava pegando os pesos que já pegava, mas com uma preguiça e cansaço sem igual! Fiquei repetindo pra mim mesma várias vezes “Força que vai valer a pena”.

 

E valeu mesmo, mas não foi fácil mesmo eu amando treinar. Acho que esse é um dos grandes motivos pelos quais várias pessoas desistem da academia.

 

Então algumas dicas para você voltar com tudo, que me ajudaram nesse momento de dificuldade:

 

1. Voltou de viagem, então já volte a treinar! Não espere as férias acabarem para voltar, porque vai ser bem mais difícil.

2. Vá com alguém no primeiro dia. Meu namorado também treina e logo no dia seguinte já fomos treinar juntos. É melhor porque se um desanima, o outro ajuda.

3. Faça o prometido! Chegue na academia com uma meta e só saia de lá quando acabar.

Se você definiu que ia fazer 30 min de esteira, faça! Porque se você pensar no que vai fazer depois que já começou, o seu cansaço vai influenciar.

E aí começam a vir as desculpas de que você ainda não voltou com o mesmo ritmo, que ainda pode ficar tranquila, etc (as metas me ajudaram muito, porque a preguiça foi grande nos primeiros dias).

4. Faça o máximo para não diminuir os pesos. Se você ficou pouco tempo fora como eu (1 semana) tente pegar os mesmos pesos de antes de ir viajar.

Eu sei que não é fácil, mas faça essa força que você vai ter um estímulo muito maior para voltar no dia seguinte.

Se você pegar o mesmo peso, sua cabeça vai ter a sensação de que nada mudou, você não regrediu durante o período, entende?

5. Uma coisa que eu já falei nesse post aqui é sobre o pensamento positivo.  E isso me ajudou muito mesmo!

Sempre que eu pensava em desculpas eu gritava na minha cabeça pra continuar e não desistir.

Bom, pra “ajudar” a voltar, eu fiquei só 2 dias em São Paulo e depois já fui pro Rio passar uns diazinhos com a minha mãe.

 

Lá foi mais fácil de manter a dieta, mas mesmo assim ainda quebrei alguns dias (nada comparado com Natal). E de novo, sem neura, eu estava voltando aos poucos.

 

Nesses dias, a gente tinha tudo para não treinar, porque foi uma semana bem preguicenta! Não fez sol e a semana foi meio fria (só porque eu tava lá de férias né?), então ficamos assistindo Netflix no sofá debaixo do cobertor a maior parte dos dias.

 

Mesmo assim, continuamos treinando lá usando o Gympass, que é um app onde você consegue comprar diárias em academias de vários lugares para treinar (tem em todo o Brasil e em mais uns 5 países).

 

gympass-app

 

Treinamos quase todos os dias, mas o treino não é tão consistente quanto o que você faz na sua própria academia né?

 

Não são os mesmos aparelhos, você não sabe onde encontrar as coisas e as vezes tem que adaptar seu treino com o que eles têm lá.

 

É mais fácil se você focar nos exercícios básicos, com aqueles aparelhos que tem em todas as academias.

 

Ou então pedir para o personal da academia te passar um treino, aí você explica para ele quantos dias você vai treinar lá e que tipo de treino você gosta. Você pode usar algumas dicas desse post aqui.

 

Fomos em 2 academias em copacabana, Workout Copacabana e Equipe 1.

 

A primeira tinha os aparelhos mais antigos e era um pouco pequena, mas era boa. Só precisava melhorar os aparelhos aeróbicos. Tinham poucos e eram bem ruins.

 

A Equipe 1 já era mais completa. Os aparelhos eram mais novos da Life Fitness e tinha mais espaço para fazer os exercícios.

 

Além da musculação, eles também tinham várias aulas de várias modalidades, como spinning, natação, lutas, entre outros. Gostei muito dela.

 

Um dia, voltando da academia acabamos encontrando uma loja muito legal de produtos naturais ali em copacabana chamada Magia Verde

 

Ela estava com uns precinhos bem bacanas e tinha uns produtos diferentes. Falei sobre dois deles nesse post aqui.

 

Outra loja que fui lá muito legal foi a La Fruteria, que tinha milhares de opções de produtos naturais e comidinhas fit. 

 

Era muito legal, mas os preços eram bem mais caros. Comprei um brownie fit e um óleo de coco sabor manteiga que eram ótimos!

 

brownfit-food4fit

 

Foi muito bom ir nessas lojinhas, pois te dá um estímulo para voltar para a dieta e pra rotina sabe?

 

Você compra os doces fit e aí não come mais tanta besteira. Só tem que saber comprar os certos, pois tem alguns que só fingem ser fit.

 

E outros que são fit, mas não são gostosos, aí não adianta né?

 

Os dias no rio foram muito bons, mesmo sem sol, pude aproveitar a casa da mamãe e começar a retomar a dieta e os treinos.

 

 

Quase 100%


Voltei para São Paulo trazendo a minha mãe e com 3kgs a mais do que quando tinha começado minhas férias.

 

Como falei, não tive neuras, eu sabia que ia dar uma engordada já que acabei saindo bem da dieta. Agora era a hora de recuperar tudo e não seria fácil.

 

Já tinha me programado de resolver várias coisas enquanto estivesse em São Paulo, por isso acordei todos os dias cedo (em torno das 7h) e não parei 1 segundo.

 

Eu acordava, treinava e já ia resolver mil coisas.

 

Só nas promoções

Os primeiros dias fiquei pulando de outlet em outlet com a minha mãe já que nunca podíamos fazer isso quando eu estava trabalhando.

 

Olha só onde eu fui:

 

Off Fashion 

É um outlet multimarcas ali próximo a Vital Brasil. Fica dentro de um galpão enorme e com muuuuita opção de roupa boa e barata. Já fui lá outra vez e foi muito bom!

 

Outlet bayard 

Eu ia muito neles uns anos atrás e era muito bom, mas dessa vez que fui não estava legal… Talvez tenha sido época, mas as coisas estavam bem caras e com pouca opção.

 

Outlet MAC – The company Store

Eu chamo de Outlet da MAC, mas na verdade é um outlet de várias marcas tops de cosméticos como Mac, Clinique, Smashbox, etc.

 

Eu já queria ir lá faz tempo, mas o horário deles é meio complicado pra quem trabalha (seg a sex das 9h às 17h), então só deu pra ir nas férias mesmo.

 

Lá, o que tem desconto normalmente são produtos de coleção, então é mais difícil encontrar os básicos com desconto…

 

Vale muito a pena as sombras e batons. O batom da MAC por exemplo que são em torno de R$ 75,00 estavam por R$ 44,00.

 

 

Colocando as coisas em ordem

Fora as comprinhas, passei os dias tentando fazer tudo que não dava pra fazer durante a rotina normal do trabalho.

 

Eu e minha mãe aproveitamos para almoçar com a minha irmã (que não estava de férias) em um restaurante orgânico chamado Le Manjue em Moema (falei um pouquinho dele aqui também).

 

le-manjue

 

É um restaurante natural e saudável, que durante a semana tem um buffet incrível com várias opções.

 

O buffet + grelhado + acompanhamento + sobremesa é R$ 56,00 e considerando a qualidade da comida, não achei caro. Recomendo muito.

 

Outra coisa que fiz que era NECESSÁRIO foi uma faxina no meu guarda-roupas. Sabe aquela que você vê tudo o que tem no armário e o que não usa mais?

 

Então, é um dia inteiro que você fica fazendo só isso. Vi todas as minhas roupas e separei algumas para doar e outras para vender no enjoei.

 

Uma dica legal que eu vi para isso é colocar todos os cabides do seu armário ao contrario, pois à medida que você for usando as roupas, você vai desvirando.

 

Depois de 1 ano, os cabides que você não virou, ou seja, as roupas que não usou, devem ser doadas.

 

No meio da semana dei uma jacadinha no Spaguetti Notte, o melhor restaurante italiano de São Paulo (na minha opinião), para comemorar meu aniversário de namoro de 7 anos e 8 meses <3. 

 

spaghetti-notte-vila-nova-conceicao-notte-3066a

 

O resto da semana tentei resolver pequenas coisas que faltavam e aproveitar para trabalhar um pouco no blog.

 

 

A hora de voltar


Quando a gente tá na correria do dia a dia as vezes a gente esquece um pouco de pensar nas coisas e simplesmente segue o fluxo.

 

Nas férias, já descansada, eu pude refletir sobre toda a minha vida: onde eu estou hoje, onde eu quero chegar, o que eu tenho feito para alcançar meus objetivos, etc.

 

Você pensa no que precisa mudar na sua vida, o que você gostaria de fazer mais, o que você gostaria de parar de fazer.

 

O difícil é colocar em prática né? Não adianta nada você definir metas e não pensar em estratégias para alcançá-las.

 

Uma dica é escrever em um papel tudo o que você quer concluir, depois definir 10 ações para atingir essa meta e depois colocar todos os detalhes sobre isso, como que horas você vai fazer, quanto tempo vai dedicar, etc (vou escrever um post só sobre isso depois).

 

Bom, o importante é sair da inércia, fazer as coisas andarem, mesmo que aos poucos! Use essa reflexão toda para impulsionar a sua vida de uma forma boa!

 

E depois de tudo isso, eu pude voltar ao trabalho e a minha rotina renovada. Voltei com vontade de realizar mais e pronta para novos desafios.

 

Férias é muito bom pra você se divertir, descansar, colocar a cabeça no lugar, refletir sobre a sua vida e foi isso que eu fiz… simplesmente aproveitei DEMAIS!

 

Foi tudo muito bom, mas quer saber a verdade? Também foi muito bom voltar! Eu amo minha rotina! Amo me alimentar bem e treinar. São coisas que fazem bem pra mim!

 

Então, não deixe para viver apenas nas férias, faça com que todos os seus dias sejam dias pelos quais valha a pena voltar!

 

Gostou do post? Suas férias tão chegando? Já sabe o que vai fazer? Comenta aqui embaixo e compartilhe com seus amigos! 😉

Lou Caselli

Publicitária, criadora do blog Live' n Style, praticando equilíbrio, em busca de bem estar

Related Posts

Faça você mesmo seu spa em casa e renove suas energias

Lou Caselli

19 de março de 2017

Outros

No Comment

E ai gente,   Início do ano é bom para acalmar os ânimos e pensar com calma em tudo o que você quer fazer da vida…   Mas como você consegue fazer isso se você tá num ritmo frenético e não consegue colocar a cabeça no lugar?   Não dá né? Então, hoje, domingo, dia de descanso, vim compartilhar algumas dicas para você fazer um “spa em casa” e renovar todas as suas energias!   Vou te ensinar a deixar seu banho bem relaxante e não é porque você não tem banheira (que é o caso da maioria das pessoas) que não pode aproveitar!   Além disso, vou te falar como fazer uma esfoliação especial em casa que ajuda a diminuir a celulite e melhora a circulação.   Passo a passo:   Antes de chegar no chuveiro, pegue algumas velas e espalhe pelo banheiro. Se elas tiverem cheiro, melhor ainda. Ligue uma música tranquila no seu celular ou em algum aparelho de som. Tem várias playlists no spotify por exemplo. Ligue o chuveiro o mais quente possível e feche todo o banheiro para fazer bastante vapor por uns 2 minutinhos. Enquanto isso, vá até a cozinha e pegue o borra do café que ficou no filtro da cafeteira, uma toalha de rosto e traga para o banheiro. É sério, confia em mim! =) Agora ta na hora de entrar no banho. Deixe apenas a luz das velas e regule a temperatura de acordo com a sua preferência. Agora, pegue a toalha de rosto, coloque nas costas e deixe a água quente cair sobre os ombros. Fique assim alguns minutos para tirar a tensão. Respire lentamente e feche um pouco os olhos. Agora é a hora de fazer a sua esfoliação: pegue um pouco da borra de café e vá massageando o corpo todo. Se quiser uma esfoliação mais pesada, misture o café com açúcar cristal e um pouco de azeite. Enxágue todo o café e se ensaboe normalmente. Para finalizar, hidrate sua pele com um óleo de banho ou com um hidratante quando sair do chuveiro. Saia do banho e tente fazer atividades tranquilas como ler um livro ou fazer um alongamento.   Um tempo só seu Se você seguir todas as dicas vai ficar melhor, mas não tem problema se não puder fazer todas.   O importante é pegar um tempinho para se dedicar ao seu bem estar! Você pode fazer esse banho sempre que estiver estressada para relaxar ou sempre que tiver vontade, porque é muito bom!   Parece brincadeira, mas isso pode mudar a sua semana. Porque não adianta cuidar do corpo, se a sua mente não está legal!   Live’n Style é estar bem em todos os sentidos da vida, é querer estar bem, então aproveite esses pequenos momentos para cuidar de você!   Se você tem mais dicas de relaxamento que podemos usar, comenta aqui embaixo! E se você sabe de alguém que tá precisando de uma pausa, compartilhe esse post! =) Relacionado

Read More

Chá e seus benefícios: saiba em que situações tomar cada tipo!

Oi gente, tudo bom?   O inverno é o tempo perfeito para pegar um livrinho e tomar um cházinho debaixo do cobertor né? Mas não é só pra esses momentos que um cházinho vai bem viu! Tomar chá traz vários benefícios e se eu fosse você, incluía já no seu dia a dia.   O chá é a bebida preparada através da infusão de folhas, flores, raízes e frutos. Muito comum de ser ver em filmes como algo do cotidiano inglês, acredita-se que o chá surgiu na China como uma erva medicinal. Hoje em dia, ganhou um papel social na rotina das pessoas, mas ainda é muito utilizado pelos seus benefícios.   Continue lendo esse post para saber como prepará-lo, quais chás tomar para ter cada tipo de benefício (como diminuir a retenção de líquidos, acelerar o metabolismo, diminuir a TPM, etc), e remédios caseiros utilizando o chá.   Como fazer:   Com inúmeras opções de sabores, ele pode ser tomado quente ou frio (para aqueles dias de calor, sabe?) e existem muitas formas de você fazer:   Chá de saquinho: O mais comum, você coloca na água e espera alguns minutinhos até ficar pronto. Chá em pó: não precisa nem esperar, só misturar e tomar Chá de ervas e frutas em natura: Essa é um pouquinho menos prática. Você precisa esquentar a água, colocar a erva ou fruta (pode ser a casca também), abafar por alguns minutos e coar. O sabor dessa versão é muito mais acentuado que as versões de saquinho (boa opção para quem acha o chá meio sem graça, você pode deixar mais forte de acordo com a sua preferencia). Chá de lata: De certa forma, é a mais prática e é facilmente encontrada em lanchonetes, restaurantes, etc. Só tem que tomar muito cuidado pois muitas delas tem açúcar e conservantes, prefira o mais natural possível. Diga-me o que quer e direi qual chá tomar   Gente, quando eu falo que o chá tem muitos benefícios, não estou brincando, é muita coisa mesmo. Existem estudos que comprovam que alguns tipos de chá podem prevenir diabetes, doenças cardiovasculares e até o câncer. A maioria deles ajuda na digestão, mas cada erva, fruta, ou raiz tem funções específicas. Então, separei alguns benefícios interessantes para mostrar pra vocês.   *Se você é hipertenso, está grávida ou tem algum problema de saúde, converse com seu medico para saber quais chás você deve evitar! 😉   Diminuir o apetite Existem alguns chás que podem ajudar você a comer menos na hora da refeição. Eles fazem com que você tenha a sensação de saciedade e por isso fica mais difícil você exagerar no prato ou atacar uma sobremesa. Alguns deles são: Alecrim, carqueja, gengibre, hibisco e chá verde.   Desinchar – diminuir a retenção de liquido Sabe aquela sensação que a gente tem de que ta parecendo um peixe boi? Que a gente se sente mega inchada? Então, isso pode ser o seu corpo retendo liquido. As causas podem ser várias como […]

Read More